Vantagens do planejamento tributário para a sua empresa 

Compartilhe esta publicação:
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Seguindo a legislação vigente, toda empresa tem permissão de criar e desenvolver estratégias e ações que irão ajudar a lidar de uma forma melhor com as obrigações impostas pelos órgãos fiscalizadores. 

Por esse motivo, o planejamento tributário se torna uma questão fundamental para o pleno funcionamento da empresa.

O ideal é que essa visão acompanhe o crescimento do negócio desde o começo. Mas, caso você ainda não tenha feito seu planejamento tributário, deve começar o processo o mais rápido possível. 

Também é importante que o planejamento tributário seja seguido diariamente e revisto de tempos em tempos. Isso é importante porque essa estratégia não traz apenas benefícios relacionados à redução de custos tributários, como também no funcionamento da empresa em procedimentos fiscais e tributários, além da gestão como um todo. 

Continue conosco e conheça outros benefícios do planejamento tributário para o seu negócio! 

7 vantagens do planejamento tributário para a sua empresa

Evita problemas fiscais 

Ao planejar os tributos com antecedência, a empresa apura corretamente os impostos e faz o pagamento dentro do prazo. Dessa forma, evita multas e juros, além de garantir a manutenção de suas Certidões Negativas de Débitos (CNDs), documentos emitidos pelos órgãos públicos. 

Por englobar todo regime da empresa, o planejamento tributário assegura o cumprimento das obrigações fiscais na data e forma correta, sejam elas transmissões ou declarações. 

Caso essas obrigações forem descumpridas, as penalizações são de um valor mais alto em comparação com aquelas geradas por atraso no pagamento de impostos, por exemplo.

Aumenta a competitividade e a lucratividade 

Os tributos apurados sobre o lucro ou sobre o faturamento bruto da empresa são considerados despesas. Sendo assim, entram na precificação de serviços e produtos. 

Mas, caso a empresa encontre uma maneira legal de reduzir os impostos, terá mais recursos para aumentar a lucratividade e diminuir os preços. 

Para isso, é preciso calcular a economia tributária permitida e aplicar apenas uma parte dela como redução de preço. Dessa forma, a empresa aumenta seu lucro enquanto se torna mais competitiva no mercado por trabalhar com valores mais baixos.

Você terá mais recursos para investir e escalar o seu negócio 

Mesmo que sua empresa já trabalhe com preços competitivos ou seus valores não gerem um grande número de objeções nas vendas, é possível continuar assim após a geração de economia nos impostos. 

Nesse caso, o que acontece é um aumento na lucratividade ainda maior do que o mencionado acima. 

Sendo assim, a empresa pode direcionar todo lucro adicional para as reservas de capital para investir em diversas melhorias nos serviços, produtos, processos ou na expansão do negócio em si, fazendo com que o crescimento seja mais rápido. 

Gestão financeira mais qualificada 

O planejamento tributário traz previsibilidade para as apurações de impostos das empresas, ajudando no controle financeiro. 

Nesse cenário, o plano orçamentário e a projeção de fluxo de caixa relacionado aos tributos se transformam em ferramentas mais assertivas e baseadas em dados concretos. Com isso, passam a ser mais confiáveis, deixando mais fácil analisar as informações antes de tomar qualquer decisão.

Recuperação de pagamentos indevidos 

A lei dá o direito de recuperação de impostos para empresas que pagaram tributos indevidos ou em um valor maior do que o necessário. 

Dessa forma, caso a empresa não faça o planejamento tributário desde o início de suas atividades, o primeiro passo pode ser rever tudo que aconteceu desde o momento em que a organização surgiu. 

Sendo assim, caso exista algum pagamento indevido, é possível solicitar sua recuperação. Na maioria dos casos, o que acontece é o recebimento de crédito tributário para compensação de imposto que será apurado no futuro e não a devolução do dinheiro em si. 

No final das contas, o resultado acaba sendo o mesmo, pois você irá deixar de gastar, economizando verba para cumprir com as obrigações do presente ou em um futuro próximo. 

Redução de burocracia nas obrigações fiscais 

Se necessário, as empresas podem mudar de regime tributário. Para isso, é preciso que a alteração seja feita em janeiro e que a organização não esteja proibida de realizar essa troca por alguma característica, como faturamento anual ou atividades desenvolvidas. 

Ao observar os critérios e possibilidades, há chances da empresa conseguir reduzir a quantidade de declarações necessárias e controles legais a fazer. 

Isso ocorre quando a empresa deixa de ser Lucro Presumido para se tornar Simples Nacional. Assim, é possível diminuir a entrega de declarações relacionadas a impostos e contribuições fiscais pela metade. Além disso, a apuração dos impostos também é simplificada, sendo feita apenas uma vez por mês e com cálculo unificado. 

Redução de custos em materiais e mercadorias 

Empresas precisam comprar alguns produtos para aplicar em prestações de serviços ou para vender. Mas, as compras compreendem mais do que os valores cobrados pelos fornecedores.

Uma compra de outro estado, por exemplo, pode exigir o pagamento da diferença da alíquota do ICMS entre as regiões. Também há outros custos dentro desse tipo de relação, como o frete. 

Caso a empresa pertença a outro regime tributário que não seja o Simples Nacional e tiver a oportunidade de aproveitar os créditos de ICMS, o frete da compra pode se transformar em uma vantagem. 

Ainda que o custo do transporte não possa ser eliminado, o responsável pela compra pode escolher receber a carga dentro da modalidade de frete CIF. Isso significa que o destinatário se responsabiliza pelo transporte. 

Dessa forma, a empresa escritura a despesa do frete na escrita fiscal, e assim, consegue usar créditos do ICMS por esse pagamento para diminuir seu próprio imposto pago posteriormente. 

Viu quantas vantagens o planejamento tributário pode gerar ao seu negócio? Por isso, é necessário investir tempo e dedicação para formular e seguir essa estratégia. 

Além disso, também é importante contar com o apoio de um escritório de contabilidade especializado para te ajudar a realizar análises a partir de dados confiáveis.