Quais são as vantagens da remuneração estratégica? 

Compartilhe esta publicação:
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Há alguns anos atrás, bastava uma certa estabilidade e um bom salário para que determinada vaga de emprego fosse atrativa. Hoje em dia, o perfil do colaborador mudou, fazendo com que o entendimento do que é uma boa vaga de emprego também se transformasse. 

Se a sua empresa se preocupa com a retenção e atração de talentos, esse texto foi feito para você! Para garantir que os melhores profissionais do mercado tenham vontade de trabalhar no seu negócio, é preciso oferecer motivos para isso. 

É aqui que entra a importância da remuneração estratégica. Hoje vamos explicar melhor o que esse termo significa, quais são os benefícios e como aplicá-lo no dia a dia. Confira! 

O que é remuneração estratégica? 

A remuneração estratégica atua dentro de um sistema de remuneração da empresa, que tem como objetivo recompensar de alguma forma os colaboradores que se destacam. 

O pagamento pode ser feito por meio de premiações, bônus adicional e outras recompensas financeiras. Dessa forma, o colaborador se sente motivado e a empresa coloca em destaque aqueles funcionários que atuam com excelência. 

Se feita da forma correta, a remuneração estratégica também pode aumentar a produtividade da equipe, melhorar o clima organizacional e aumentar a satisfação dentro do ambiente de trabalho. 

Quais são as vantagens? 

Quem não gosta de ver seu trabalho sendo reconhecido? Por trazer essa sensação de gratificação, a remuneração estratégica é uma ferramenta importante na gestão de pessoas. 

Quando sua empresa oferece uma bonificação baseada em desempenho, há aumento de produtividade e um aumento no padrão de qualidade, o que otimiza os resultados. 

Também é possível identificar um impacto positivo na cultura organizacional, pois você mostra que a empresa realmente valoriza os colaboradores que atuam em prol do crescimento do negócio. 

Falando sobre os colaboradores, a remuneração estratégica é um complemento na renda, que permite melhora na qualidade de vida e também pode ser aplicado em seu desenvolvimento profissional. 

Como a remuneração estratégica funciona? 

Existem diversas formas que a empresa pode adotar para remunerar seus colaboradores. Veja alguns exemplos: 

Comissão 

Talvez seja a mais comum entre as maneiras de remuneração estratégica. Na comissão, o colaborador recebe bônus financeiros quando alcança determinada meta. 

Premiação 

A premiação é um saldo extra separado do salário que já é recebido mensalmente. O dinheiro pode ser usado de forma livre pelo colaborador. Por isso, não é interessante colocar a premiação no vale alimentação ou refeição, por exemplo. 

Participação nos Lucros 

Também conhecida como PLR, a participação nos lucros é regulamentada por lei, mas não é uma obrigação das empresas. 

Assim, a empresa pode estabelecer algumas metas ou permitir a participação nos lucros quando o colaborador alcançar determinado parâmetro.